12 de junho de 2013

Top 5: Livros para o Dia dos Namorados

Hoje, 12 de Junho é comemorado no Brasil o Dia dos Namorados. E o Fanfics não poderia deixar de comentar sobre essa data e vem falar sobre alguns livros quem tem essa temática ou apenas se encaixam na data. Tem livros para todos os tipos de casais, romances para todos os gostos. E o Top 5: Livros para o Dia dos Namorados.

5º lugar: Lola e o Garoto da Casa ao Lado - Stephanie Perkins

A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda… ela acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa - mais brilhante, mais divertida, mais selvagem - melhor. Mas apesar de o estilo de Lola ser ultrajante, ela é uma filha e amiga dedicada com grandes planos para o futuro. E tudo está muito perfeito (até mesmo com seu namorado roqueiro gostoso) até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro. Quando Cricket - um inventor habilidoso - sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa conciliar uma vida de sentimentos pelo garoto da porta ao lado.









4º lugar: Nada é Para Sempre - Ali Cronin

Cass é a namorada fiel. Ashley não leva nada a sério. Donna é festeira. Ollie é mulherengo. Jack é esportista. Rich talvez seja gay. Mas e Sarah? Os amigos sempre tiram sarro dela por ser certinha demais, mas ela só está esperando pelo cara certo e agora tem certeza de que o encontrou. Será que ele sente a mesma coisa? Ou tudo não passa de uma paixão de verão? Acompanhe o emocionante último ano de escola de quatro garotas e três garotos de dezoito anos.











3º lugar; O Lado Bom da Vida - Matthew Quick

Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados". Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a aceitar revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes da internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida. Uma história comovente e encantadora, de um homem que não desiste da felicidade, do amor e de ter esperança.






2º lugar: Diário de Uma Paixão - Nicholas Sparks

"Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns, e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou." Noah Calhoun Assim tem início uma das mais emocionantes e intensas histórias de amor que você lerá na vida... O livro é o retrato de uma relação rara e bela, que resistiu ao teste do tempo e das circunstâncias.











1º lugar: A Culpa é das Estrelas - John Green

Narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.










Menção Honrosa: Clássicos

Não poderia deixar de falar sobre o Dia dos Namorados e não comentar sobre os grandes clássicos de romance, aqueles que se encaixam perfeitamente na data. Como não dá para colocar todos os livros (são tantos), fiz essa menção honrosa só com aqueles que são os bests-sellers entre os clássicos românticos e que ficaram na história.

5º lugar: Jane Eyre - Charlotte Brontë

Jane Eyre é uma menina órfã que vive com sua tia, a sra. Reed, e seus primos, que sempre a maltratam. Até que, cansada do convívio forçado com a sobrinha de seu falecido esposo, a mulher envia Jane a um colégio para moças, onde ela cresce e se torna professora. Com o tempo, cresce nela a vontade de expandir seus horizontes. Ela põe um anúncio no jornal em busca de trabalho como governanta. O anúncio é respondido pela senhora Fairfax, e Jane parte do colégio para trabalhar em Thornfield Hall. Lá, ela conhece seu patrão, o sr. Rochester, um homem brusco e sombrio, por quem se apaixona. Mas um grande segredo do passado se interpõe entre eles.

Romance escrito pela irmã Brontë mais velha. Obra atemporal, adaptado inúmeras vezes para o cinema e a televisão. Faz sucesso com todas as idades, e não poderia ficar de fora.






4º lugar: O Morro dos Ventos Uivantes - Emily Brontë

Na fazenda chamada Morro dos Ventos Uivantes nasce uma paixão devastadora entre Heathcliff e Catherine, amigos de infância e cruelmente separados pelo destino. Mas a união do casal é mais forte do que qualquer tormenta: um amor proibido que deixará rastros de ira e vingança. "Meu amor por Heathcliff é como uma rocha eterna. Eu sou Heathcliff", diz a apaixonada Cathy.

Outra irmã Brontë dando as caras aqui. Grande obra que mesmo com o passar dos anos não deixa de fazer sucesso. Seja em livro ou nas adaptações, a cada dia ganha mais fãs apaixonados pelo romance da história.









3º lugar: E o Vento Levou... - Margaret Mitchell

Um relato apaixonante sobre a guerra civil norte-americana, a aristocracia sulista que ela abala e transforma, e a coragem de uma mulher que nunca se deixou vencer. Conheça a linda e tempestuosa Scarlett O Hara e o irresistível Rhett Butler, que a ama ao longo de todas as suas provações. Conheça a doce Melanie, o honesto Ashley Wilkes e os muitos outros personagens que habitam a esplendorosa fazenda Tara.

Esse clássico é mais conhecido devido a sua adaptação que fez e faz até hoje o maior sucesso. Mas o livro não fica atrás e entra fácil nas listas dos maiores romances clássicos.









2º lugar: Orgulho e Preconceito - Jane Austen

Na Inglaterra do final do século XVIII, as possibilidades de ascensão social eram limitadas para uma mulher sem dote. Elizabeth Bennet, de vinte anos, uma das cinco filhas de um espirituoso, mas imprudente senhor, no entanto, é um novo tipo de heroína, que não precisará de estereótipos femininos para conquistar o nobre Fitzwilliam Darcy e defender suas posições com perfeita lucidez de uma filósofa liberal da província. Lizzy é uma espécie de Cinderela esclarecida, iluminista, protofeminista.

Jane Austen e a mãe dos romances clássicos. Sua obra inteira faz sucesso em qualquer mídia, seja em livro, ou adotada para o cinema e a televisão. Este e um de seus maiores sucesso que, é claro, tinha de estar nesta lista.








1ºlugar: Romeu e Julieta - William Shakespeare

Em Verona, na Itália, por volta de 1600, a rivalidade entre os Montecchios e os Capuletos acentua-se e os conflitos estendem-se a parentes e criados, apesar do apelo do príncipe pela paz.Num baile de máscaras na casa dos Capuletos, Romeu Montecchio conhece Julieta Capuleto.A paixão é mútua e instantânea.Ao descobrir que pertencem a familias inimigas, os dois se desesperam.Resolvem casar-se secretamente, com a cumplicidade de frei Lourenço.No entanto, o destino desse amor seria trágico.


Falar de clássicos românticos e esquecer deste livro é até um pecado. Acredito que não só dos romances, este livro é um clássicos dos clássicos. E vamos combinar que apesar do final trágico, ele é a cara da temática de dia dos namorados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente. Elogie, Sugira. Critique. Os comentários serão moderados para que possam ser respondidos o quanto antes.